Curso Técnico de Energias Renováveis - Energias Eólicas (2009/2012)

Filipa Cabeceiras

Chamo-me Filipa Cabeceiras, tenho 22 anos e sou natural da ilha de São Jorge. Fui estudante da EPISJ entre os anos 2009 e 2012, frequentei o curso profissional (nível 4) de “Energias Renováveis – Sistemas Eólicos”. Quando concluído o curso, ingressei num CTESP de “Gestão Ambiental” no Instituto Politécnico de Leiria, abandonando-o meses mais tarde por não corresponder às minhas expectativas.


Em Maio do ano 2014 entrei no Grupo EDA para a Central Térmica de São Jorge, exercendo as funções de “Operadora de Central”. Em Junho de 2016 foi alterado o meu enquadramento profissional para o cargo de “Técnica de Condução de Central e Supervisão de Redes”, sendo essa a minha função atual na empresa.


(1) Quais foram os motivos que te fizeram escolher um curso profissional na EPISJ?
No teu entender, quais são as mais-valias do ensino na EPISJ?


Escolhi seguir um curso profissional pela sua versatilidade, por um lado a preparação para o “mundo” do trabalho, sendo o curso completado com estágios curriculares que nos preparam profissionalmente, e por outro lado a vantagem de ter igualmente acesso ao ensino superior como um aluno do ensino secundário, foi uma espécie de dois em um, dai a minha escolha ser um curso profissional na EPISJ.


(2) Quais são as melhores recordações dos anos em que foste formando(a) da nossa escola?


O convívio com colegas, professores e funcionários. Na minha opinião a EPISJ, para além de uma escola como as outras, sempre teve um ambiente muito familiar e acolhedor, levo de melhor algumas das amizades que fiz e para além disso é uma escola muito dinâmica a nível de atividades, celebrações e inovação.
Também no ano de 2012 quando já me encontrava no 3º ano do curso, tive o privilégio de ir para um intercâmbio em Saragoça (Espanha) com outros colegas de cursos diferentes desse mesmo ano, tendo sido uma experiência única e enriquecedora.


(3) A nossa escola orgulha-se de formar, além de bons profissionais, bons cidadãos. Concordas com esta afirmação? Porquê?


Claro que sim, concordo, posso dizer que muitos dos meus colegas de trabalho tanto na central da EDA em São Jorge como em muitas outras ilhas, estudaram nesta escola. A EPISJ para além de até hoje abrir bons cursos profissionais e atrativos, tem também bons espaços, como diversas oficinas para cada curso com os materiais de aprendizagem necessários e bastante variados, para além disso, tem professores muito competentes principalmente no que toca nas áreas mais técnicas e que conseguem partilhar o seu conhecimento com os alunos.


(4) Como avalias a importância do estágio curricular no teu percurso formativo?


O estágio curricular no meu percurso teve uma grande importância, aliás, acho que qualquer aluno que saiba aproveitar o seu estágio é sempre uma mais-valia para o seu futuro profissional. No meu caso posso dizer que o estágio do meu 3º ano na Central da EDA teve grande importância para o meu percurso profissional, com este estágio pude demonstrar as minhas capacidades, competências e aptidão para a área, “colhendo frutos” mais tarde, sendo admitida para a mesma e sendo o meu local de trabalho atualmente.


(5) Passados todos estes anos, estás satisfeita com a escolha que fizeste pelo ensino profissional? Voltarias a tomar esta decisão? Porquê?


Sim, muito satisfeita, mas sobretudo muito grata pelas portas que este tipo de ensino me abriu.
Voltaria a tomar a mesma decisão e a fazer tudo de igual forma, pois foi graças a essa decisão que hoje estou a trabalhar onde gosto.


(6) O ensino profissional tem ganho maior relevância no panorama regional e nacional nos últimos anos. Consideras que deve continuar a ser uma opção válida para muitos jovens?


É tão válida como outras opções de ensino. Como já referi é uma opção muito versátil, tanto para a continuação no ensino superior como a nível de experiência profissional.


(7) Gostarias de deixar uma mensagem aos atuais e futuros formandos da nossa escola?


A minha mensagem para os atuais e futuros formandos da EPISJ é que aproveitem tudo o que a escola tem para vos oferecer, mas essencialmente, aproveitem muito bem os vossos estágios curriculares, porque são a altura mais importante neste tipo de ensino vocacionado mais para a área profissional, é a altura em que podem mostrar as vossas boas capacidades, o vosso empenho e esforço, tenho a certeza que mais tarde serão bem recompensados!

aproveitem tudo o que a escola tem para vos oferecer, mas essencialmente, aproveitem muito bem os vossos estágios curriculares, porque são a altura mais importante neste tipo de ensino vocacionado mais para a área profissional”

Filipa CabeceirasCurso Técnico de Energias Renováveis - Energias Eólicas (2009/2012)